Início » Blog » Uruguai Recebe Libertadores Feminina

Uruguai Recebe Libertadores Feminina

“Uruguai Recebe Libertadores Feminina 2024: Um Palco para o Talento Sul-Americano Brilhar”

Na próxima terça-feira, foi anunciado pela Conmebol que o Uruguai sediará a edição de 2024 da Libertadores Feminina. O evento está programado para ocorrer de 3 a 19 de outubro.

Ao contrário da sua contraparte masculina, a Libertadores Feminina é realizada em apenas um país e dentro de um curto espaço de tempo. No ano de 2023, o torneio teve lugar na Colômbia, de 5 a 21 de outubro. Há também diferenças no formato de competição: consiste em quatro grupos, cada um com quatro equipes. Os dois melhores de cada grupo avançam para as quartas de final, seguindo o formato tradicional daí em diante.

O Corinthians se destaca como o clube com mais títulos na competição, tendo conquistado a taça em quatro ocasiões (2017, 2019, 2021 e 2023), sendo também o atual campeão ao vencer o Palmeiras na final mais recente. No time ideal do torneio, o Brasil teve grande destaque com oito jogadoras: Lelê, Yasmin, Gabi Portilho e Millene do Corinthians; Poliana, Bruna Calderan e Bia Zaneratto do Palmeiras; e Priscila do Internacional, que foi a artilheira da competição e nomeada a Rainha da América.

Uruguai como sede

A escolha do Uruguai como sede para a próxima edição da Libertadores Feminina de 2024 é uma oportunidade significativa para o país demonstrar sua capacidade de organizar eventos esportivos de grande escala e promover o futebol feminino na região. Além disso, a realização do torneio em um único país dentro de um período concentrado permite uma experiência única tanto para jogadoras quanto para fãs, fomentando um ambiente de competição intensa e camaradagem entre as equipes de diferentes países sul-americanos.

A Libertadores Feminina tem se estabelecido como o principal torneio de clubes de futebol feminino na América do Sul, oferecendo uma plataforma para o talento feminino brilhar e ganhar reconhecimento internacional. O sucesso de equipes brasileiras, especialmente o Corinthians, na competição, não apenas eleva o perfil do futebol feminino no Brasil, mas também serve como inspiração para clubes e jogadoras em toda a América do Sul.

À medida que a competição se aproxima, a expectativa é que a edição de 2024 no Uruguai continue a elevar o padrão do futebol feminino sul-americano, atraindo mais atenção dos fãs de futebol, mídia e patrocinadores. Isso, por sua vez, pode levar a um maior investimento e apoio ao futebol feminino, contribuindo para o crescimento e a sustentabilidade do esporte na região. A Libertadores Feminina é mais do que um torneio; é um catalisador para a mudança positiva no futebol feminino, destacando o potencial, a paixão e o poder das mulheres no esporte.

Deixe um comentário